01 guys gaming

Homem é preso após usar cartões de policial morto em Santos (SP)

Agente era chefe de identificação do órgão e foi fuzilado com 30 tiros no litoral paulista

Homem é preso após usar cartões de policial morto em Santos (SP)

Um homem foi preso na manhã de 4ª feira (25.ago) após usar cartões bancários de Marcelo Gonçalves Cassola, chefe de identificação da Polícia Civil fuzilado com pelo menos 30 tiros em Santos, litoral de São Paulo (SP). 

+ Leia as últimas notícias no portal 01 guys gaming

Cassola foi encontrado com uma corda entre as mãos e as pernas, abandonado em uma avenida da cidade, na madrugada da última 3ª feira (23.ago). Perto da vítima, estavam cápsulas deflagradas pelos criminosos, de armas 9mm e de fuzil. 

O suspeito preso fez compras no centro da cidade, mas a polícia não sabe se ele tem relação direta com a morte do agente. Ele não teve a identidade revelada. 

Marcelo dirigia o Sindicato dos Policiais Civis da Baixada Santista, além de ser chefe do setor de identificação do Palácio da Polícia. A região no litoral sul do paulista vive uma onda de homicídios: foram registradas sete mortes na última semana, entre elas a de um ex-agente penitenciário de Cubatão. 

A polícia segue investigando o caso e se os homicídios têm relação com facções criminosas. Desde janeiro deste ano, na Baixada Santista, são 18 corpos encontrados da mesma maneira que Cassola: com muitas marcas de tiros, amarrados e abandonados em vias públicas. 

VEJA TAMBÉM:

Publicidade

Assuntos relacionados

policia
crime
policial civil
fuzilado
morte
homicídio
santos
litoral
são paulo
baixada santista
investigação
suspeito
prisão
cartões de crédito
marcelo cassola
chefe
identificação
sbt
sbt news
portalnews
primeiro impacto

Últimas notícias

Fim da reeleição para presidente e regulamentação da reforma tributária devem ser prioridades no Congresso em 2024

Fim da reeleição para presidente e regulamentação da reforma tributária devem ser prioridades no Congresso em 2024

Regulação da inteligência artificial e criminalização da posse de drogas também devem ser priorizados nas discussões e votações no Senado e/ou na Câmara
Virada em Copacabana contou com doze minutos de fogos; assista

Virada em Copacabana contou com doze minutos de fogos; assista

Estimativa é de que dois milhões de pessoas tenham participado da festa na tradicional praia do Rio de Janeiro
Cinco casos da bactéria que causou surto na China são confirmados em São Paulo

Cinco casos da bactéria que causou surto na China são confirmados em São Paulo

Testes positivos foram em crianças de uma mesma escola, em Santo André, no ABC paulista
Reajuste na passagem de metrô e trem em São Paulo começa a valer nesta segunda-feira

Reajuste na passagem de metrô e trem em São Paulo começa a valer nesta segunda-feira

O valor da tarifa sobe de R$ 4,40 para R$ 5. O aumento vale para todas as linhas, inclusive as privatizadas
Mega da Virada: cinco apostas acertaram os seis números

Mega da Virada: cinco apostas acertaram os seis números

Valor chegou a R$ 589 milhões, o mais alto da história das loterias da Caixa. Veja cidades dos vencedores
Paris e outras capitais europeias celebram 2024; veja vídeos

Paris e outras capitais europeias celebram 2024; veja vídeos

Na França, a comemoração marca também o início dos Jogos Olímpicos
Mega da Virada: confira os números sorteados

Mega da Virada: confira os números sorteados

Concurso paga o maior valor da história: R$ 588,8 milhões. E não acumula
Mega da Virada: confira horário do sorteio e onde assistir ao vivo

Mega da Virada: confira horário do sorteio e onde assistir ao vivo

Prêmio estimado é de R$ 570 milhões, valor mais alto da história do concurso
Zanin é sorteado no STF relator do recurso de Bolsonaro contra inelegibilidade

Zanin é sorteado no STF relator do recurso de Bolsonaro contra inelegibilidade

Pedido do ex-presidente para anular condenação do TSE, que o afastou das urnas até 2030, cai com indicado de Lula
Alckmin comenta resistência do Congresso sobre reoneração da folha: “acredito no diálogo”

Alckmin comenta resistência do Congresso sobre reoneração da folha: “acredito no diálogo”

Governo insiste em reoneração da folha de pagamentos para arrecadar e chegar ao déficit zero nas contas públicas em 2024
01 guys gaming Mapa do site01 guys gaming Mapa do site